Casa do Território

Exposições Temporárias

O piso 0 da Casa do Território é um espaço dedicado à organização de Exposições de caráter temporário, sobre temas ligados ao conhecimento e desenvolvimento do nosso território e da Região envolvente, bem como outros que assentem numa perspetiva global de relacionamento com a formação e capacitação dos visitantes, numa ótica de aprofundamento de áreas ligadas à cultura e às artes.

Paralelamente a cada Exposição é elaborado um programa de atividades que visa a sua dinamização e uma maior abertura aos diversos públicos, estimulando à sua participação, ao desenvolvimento e formação de um pensamento crítico e a um maior entendimento da nossa identidade e da nossa dimensão territorial.

Exposições já realizadas: “Devesa: Percursos”(setembro 2012/ setembro 2013), “100 anos Leica” (junho/julho 2014), “Anfíbios - uma pata na água outra na terra”(agosto/outubro 2014), “Mostra Nacional de Jovens Criadores - 17.ª Edição”, dezembro 2014/ janeiro 2015), “Território-Casa Comum” (julho 2015/Fevereiro 2016), “Des(a)fiar o Tempo da Indústria” (Abril a Setembro 2016), “Percurso da Continental por Terras Famalicenses” (Novembro 2016 a Março 2017), “Lugares (In)Visíveis” (Abril a Agosto 2017).

A Casa do Território dispõe, ainda, de uma Galeria exterior, onde são realizadas algumas mostras, de caráter mais simples e sem grande exigência de montagem (fotografia, trabalhos de projetos, ilustração, pintura) cujas temáticas estejam relacionadas com o Parque da Devesa ou com o território, de forma mais lata.

Exposições já realizadas: “Maratona Fotográfica 2015” – Fotografia (Outubro 2016); “A Nudez na Beleza de um Olhar” – Fotografia (Novembro/Dezembro 2016); “Avifauna do Parque da Devesa” - Fotografia (Abril/Maio 2017); “Mural para a Igualdade” – trabalho de projeto (Junho 2017); “Mnemosyne” – Ilustração (Julho/Agosto 2017).

A MINHA CASA É A TUA CASA - imagens do doméstico e do urbano na coleção de Serralves

01 Outubro 2018 - 02 Junho 2019


Os artistas e as obras presentes nesta exposição colocam o doméstico e o quotidiano no centro das suas preocupações, propondo diferentes interpretações daquilo que se entende por casa.

Artistas presentes: José Pedro Croft,  Pedro Cabrita Reis, Gil Heitor Cortesão, Ângela Ferreira, Fernanda Fragateiro, Gordon Matta-Clark, Bruce Nauman, Luis Palma, Martha Rosler, Ana Vieira e Filipa César.

As casas destes artistas são a nossa casa!

Parceria com: Fundação de Serralves - Museu de Arte Contemporânea


Horário de visita:
3ª a 5ª feira: 09h30-13h00 e 14h00-17h30
Sábado, domingo e feriados: 14h30-17h30

Entrada gratuita.
Patente até 2 junho 2019.

Arquivo Exposições Temporárias

ver arquivo

Newsletter Receba todas as informações, notícias e convites que o Município de Vila Nova de Famalicão tem para si. Ao inserir o seu email está a dar-nos consentimento para o contactarmos no âmbito das atividades desenvolvidas no Parque da Devesa.

Faça a sua
Avaliação do Parque

Clique Aqui